Segunda-feira, 2 de Abril de 2007

Regresso à base com o meu menino sob vigilância da Mãe... (BUÉDA LONGO!)

Pois bem, no fundo sabia que ia voltar!

 

E voltei... Voltei triste, e triste porque mais uma vez encontro FALHAS GRAVES na "caixa" no "público" nos "centros", e sinto-me triste, e no que nesta gravidez já é tarde para mudar, que numa futura sirva de exemplo a não seguir, e também a quem aqui passa pensar duas vezes, certo é que cada caso é um caso, mas realmente o meu caso não é feliz!

Desculpem não vou alargar muito mais sobre isto, prometi no post anterior, transmitir TODAS AS FALHAS, apenas e só quando tiver o meu filho nos meus braços e é isso que vou fazer, por agora vou só manifestar algumas para vos poder contar a minha visita à maternidade!

 

Visita essa que se tivesse um título seria: "há males que vêm por bem!"

 

14:05_ Atrasada dirijo-me ao "centro" onde me irão dar o papel para a urgência, o meu telemóvel toca, ligam-me da maternidade a dizer que a consulta que tenho no dia 8 de Abril na Maternidade (??????????????) Eu??? Marcada??? Ninguém me disse NADA!!!! terá de ser adiada por "greve" para dia 16 de Abril, ("Que bom!!! Ao menos que fique marcada para antes do parto!!!! ) Começam então as minhas questões, é que ninguém me avisou da dita consulta, e se não fosse a vossa "greve", nem dia 8 eu saberia!!! Resposta: "É o centro de Saúde que tem a "obrigação" de a avisar, porque foram eles que marcaram!" Eu digo que vou então saber, chegada ao centro, é o hospital que tem a "responsabilidade" de avisar ....

Olha prontos, tou grávida, não me posso irritar, decidam-se voçes quem tem a responsabilidade/obrigação e depois avisem que já nem vos tou para aturar!!

 

14:45_ (mais ou menos), dou entrada na maternidade, só o meu marido me pode acompanhar, a minha Mãe e o meu Pai ficaram na sala de espera, abracei-os e quando o Sr. da entrada me diz para me dirigir para a SALA DE PARTOS, fico em pânico com os olhos cheios de lágrimas, a Obstetrícia é no mesmo piso, era para onde ia, podia dizer antes OBSTETRÍCIA , agora parto, uma grávida fica assim parva!!!!!

Esperei uma meia horita à vontade, até me chamarem, chamaram-me e lá dentro a Dr.ª pergunta-me o porque da urgência (deve ser para confirmar o que já tá explicado na carta, não vá algum estar a mentir!!!), pede-me a eco, analisa e constata o facto da placenta envelhecida, entretanto aproveita e pede-me as últimas análises que fiz, vira e revira, torna a revirar os papeis das análises e pergunta-me "só tem isto?" a minha inocência faz-me responder-lhe que não, que ainda tinha as do 1.º trimestre e do 2.º lerdinha eu!) ao que ela me esclarece que não,, que se refere mesmo às últimas, que ali faltam exames OBRIGATÓRIOS que não foram pedidos pelo médico do centro, muito menos feitos! Fico enraivecida, embasbacada a ponto da minha tensão a ser medida naquele momento subir aos picaros da lua (prontos mediram-na pela segunda vez para confirmar), estou com 36 semanas e existem indicadores importantes que nem me foram solicitados, ainda querem que seja apologista da dita "caixa"????

 

Tirara-me sangue a explicar que entre muitos indicadores (aquilo era só iniciais de palavrões) precisavam de um muito básico, para saber o grau de coagulação do sangue para no dia do parto saberem se podem ou não administrar a epidural ! Isto deixa-me triste, poderia chegar ao dia do parto sem nada disto, e claro recusavam-me a epidural por falta de "dados"!!!

 

Depois disto fizeram-me o toque, o famoso toque, até tenho vergonha de dizer que não me custou nada!

 

Depois CTG ...

 

No fim, o Fábio está bem, convém apenas vigiar os movimentos dele, eu repouso, pois é, estou de BAIXA, trabalhar só.... só... em Setembro! Aiiiiiiiiiiiiii ... O que vou fazer aqui em casa enfiada ???

 

Se hoje e amanha perder algum sangue é normal por causa do toque, apenas me devo dirigir à maternidade se essa perda de sangue for anormal, rebentar as águas ou sentir contracções fortes e espaçadas o que pode ser a qualquer momento, horas, dias ou umas semaninhas, o Fábio está eminente, tenho um dedo de dilatação...

 

Estou agora mais calma, ontem à noite e hoje estava um pilha... Apenas posso agradecer o fenomenal apoio dos meus pais que fizeram em dois dias seguidos 700 kms apenas para me abraçar, e ao meu marido que me mostrou muita calma, ele estava nervoso, mas ao meu lado não!

 

Obrigado a voçes também que me fizeram sorrir quando cheguei ao blog com as vossas manifestações de carinho.... Obrigado!

 

MÃE, PAI, DANI E EU... Os quatro mosqueteiros... com o 5.º a caminho (palavras da  minha Mãe!)

ADORO-VOS, AMO-VOS AOS 4...

 

 

 

Pela mamã Katya às 20:27
link do post | Digam ao Fábio & Beatriz | Já disseram ao Fábio & Beatriz (12) | favorito
Domingo, 1 de Abril de 2007

Abril de 2007

Este será de certeza o mês em que vou conhecer o meu Fábio, é também o mês que eu e o pai fazemos 9 anos de namoro, ainda festejamos o aniversário de namoro, embora casados, é para nós uma data especial 12 de Abril de 1998, e continuará sempre a ser!

 

Amanhã tinha consulta (ainda) mensal (não percebo porque ainda mensal, enfim, existem tantas e tantas coisas que não entendo, falarei mais à frente quando tiver o meu filho nos braços, perfeito e saudável, que é o que desejo agora!), contudo a consulta não se vai realizar, o médico ficou "indignado" por ainda não me terem marcado consulta na maternidade, por isso amanhã estarei no posto às 14 horas apenas para o médico me passar um papel para ter consulta de urgência na maternidade, por causa da placenta, se o Fábio mostrar sinais de sofrimento, deverei lá ficar, não sei, não sei nada, e se a ansiedade já era tanta, agora duplica com toda esta incerteza, seja como for tenho as malas feitas, e mais importante, tenho os meus pais vindos hoje de "urgência" de Lisboa para estar ao meu lado, mesmo que amanhã volte para casa! Estão cá para o que der e vier... OBRIGADO...

 

Vamos lá ver o que vai acontecer amanhã por lá, só quero que se o Fábio tiver condições para nascer e ficar logo comigo que induzam o parto, tenho medo de o ter dentro de mim sem as condições que ele precisa, se voltar para casa amanhã com ele, vou andar sempre com o coração nas mãos!!!

 

 

Pela mamã Katya às 18:53
link do post | Digam ao Fábio & Beatriz | Já disseram ao Fábio & Beatriz (7) | favorito

Fábio & Beatriz

pesquisar

 

Castelos recentes

Mãe de menino

Eternamente meu...

O dia antes do nascimento...

O teu Batizado e Primeiro...

Promessa cumprida

6 meses depois

Primeiro dia berçario da ...

8 do 8 a partir daqui nun...

Aqui já se dorme fora de ...

Filhos

Por onde pousamos

Castelos antigos

Novembro 2014

Junho 2013

Maio 2013

Março 2013

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Abril 2011

Fevereiro 2011

Julho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Abril 2006

Março 2006

blogs SAPO

subscrever feeds