Terça-feira, 11 de Dezembro de 2007

Filho...

Olá meu Amor, é a Mãe que te escreve estas simples palavras, estas pequenas linhas para te tentar agradecer o amor que fizes-te nascer em mim, um amor que juguei nunca ser capaz de sentir, julguei-me pequena para um amor tão grande como o nosso...

Nesta última semana tens feito o meu coração "rebentar" de tanto amor, para além do amor que sinto, fizeste-me conhecer outro amor, o teu por mim que rezo todas as noites para nunca acabar... Choras se a Mãe te foge do teu alcançe visual, berras se estás no colo de outra pessoa e não no meu, agarras os meus braços para não te deixar ir para outros colos, enfim, só me queres a mim e para ti... Egoismo talvez mas deixa-me feliz!

 

Nunca te falei disto meu Amor, mas desde que entras-te para o infantário, sempre "fingi" que sou forte e que tudo está bem, que sou feliz contigo lá, longe de mim, a verdade é que não meu bem, a verdade é que TODOS os dias que lá te deixo, entro no carro meio perdida, sigo estrada fora ainda a pensar em ti a olhar o teu lugar, agora vazio, mas ainda quente do teu corpinho bom...

As segundas-feiras são terríveis, e nesta segunda-feira cheguei ao "cúmulo" de verter uma lágrima teimosa rosto fora levada pela saudade do teu rostinho doce, do teu abraço apertadinho, dos teus risinhos bons, de ti minha vida, meu sangue...

Ainda te cheiro, e ainda sinto o teu cheiro quando nasces-te, ainda trazes o cheiro do meu ventre contigo, ainda não o perdes-te, ainda és meu, ainda trazes recordações de quando moravas dentro de mim,  meu filho, meu bem, meu tesouro...

 

Não sei se mais tarde vais ler este pedaço de amor meu exposto na net, o teu blog, serviu-me para gritar ao mundo "estou grávida!", serviu 9 meses depois para gritar ainda mais alto "Sou Mãe, sou feliz!!", serve hoje para te deixar mais tarde ler, a tua evolução, as tuas conquistas meu amor, o meu amor por um filho chamado Amor... Se leres fica a saber que te amei, te amo e amarei, sou tua Mãe, tua Amiga, tua confidente... Confia em mim meu bem que serei mais que tua Mãe nesta vida só para tu seres feliz...

Um beijo muito grande Fábio, desculpa lá filhote as lamechisses mas as Mães são mesmo assim...

Tens 7 meses, 1 semana e 2 dias, eu???? Sou feliz!!!

AMO-TE MEU FILHO CHAMADO AMOR

Da tua Mãe Cátia

Pela mamã Katya às 09:48
link do post | Digam ao Fábio & Beatriz | favorito
11 comentários:
De Mamã Gansa a 11 de Dezembro de 2007 às 12:10
Lindo,faz uma coisa grva a parte no teu computador todas esta tuas declarações de amor e assim podes garantir que um dia ele as lerá.Saberá a mãe fantástica que és e sei que continuarás a ser. beijinhos
De May a 11 de Dezembro de 2007 às 17:49
É um sentimento tão avassalador que muda tudo, muda-nos por dentro, revoluciona a nossa vida e faz-nos renascer, passamos a ser mães, e é uma descoberta de amor constante e feliz.

Beijinho
De Mãe da Tiz a 11 de Dezembro de 2007 às 21:01
És uma mãe tão apaixonada!!! É lindo ver a emoção com que falas do teu filhote. Eu tb sou muito agarrada à minha filhinha, algumas pessoas consideram doentia "esta" forma de amar... mas eu não conheço outra!

Muitos beijos para vocês :***
De Celine a 12 de Dezembro de 2007 às 09:34
É sempre tão bom vir aqui ler as palavras sentidas de amor que sentes pelo o teu filho!! Embora todas as mães o sintam tu expressas-lo de uma maneira muito doce!! Adoro mesmo!!
Beijocas para ti e para o Fábio
De Fátima Araújo a 12 de Dezembro de 2007 às 17:06
Lindo!!! Não existe amor maior no mundo, que o amor entre mãe e filho.
Bjs
De Sofia a 13 de Dezembro de 2007 às 17:58
Cátia, sempre que leio as tuas palavras sinto vontade de chorar e muitas vezes é o que acontece.
O que escreves, penso que qualquer mãe, ou melhor, uma verdadeira mãe o sente mas tu consegues fazer algo que muitas pessoas não o conseguem fazer: expressar os teus sentimentos mais puros e mais intimos.
Quando a minha filha nasceu, conheci o verdadeiro amor da minha vida! Por mais que ame o pai da minha filha e os meus pais, o meu amor incondicional é pela minha filha. Agora entendo os meus pais quando me diziam que eles estariam sempre comigo e que me amariam toda a vida. Agora sei o que é o tão falado "amor de mãe". E agora sou feliz...
De cristina a 13 de Dezembro de 2007 às 19:19
Olá...tudo bem? que amor é este heim amiga? é inexplicavel e inconfundivel, não podemops descrever este amor é sublime demasi..amo demais minha filhota, é o melhor amor do mundo....bjos cris
De María a 14 de Dezembro de 2007 às 10:40
Fazes declarações de amor tão lindas para o teu filho :)

Bjnhos grandes
De Catarina a 14 de Dezembro de 2007 às 23:07
Glup...
Chuif...
São tão lindos os pequeruchos. O cheirinho, a pele.
Tem mesmo que se ter coragem para os deixar.
Tens o coração cheio.
Um beijo muito grande.
De Lipa a 15 de Dezembro de 2007 às 00:09
Nada se compara a uma mãe apaixonada pelo seu filho. É lindo de ver e ler.

Comentar post

Fábio & Beatriz

pesquisar

 

Castelos recentes

Mãe de menino

Eternamente meu...

O dia antes do nascimento...

O teu Batizado e Primeiro...

Promessa cumprida

6 meses depois

Primeiro dia berçario da ...

8 do 8 a partir daqui nun...

Aqui já se dorme fora de ...

Filhos

Por onde pousamos

Castelos antigos

Novembro 2014

Junho 2013

Maio 2013

Março 2013

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Abril 2011

Fevereiro 2011

Julho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Abril 2006

Março 2006

SAPO Blogs

subscrever feeds